Image
Image
Alt Text

Bem-vindo a Betsson - O Seu Destino de Apostas Online em parceria com o Jockey Club RS!

Embarque na emoção do jogo conosco e descubra a adrenalina de apostar nas corridas de cavalos. Na betsson, a diversão nunca para!
Clique Aqui!
Image
Alt Text

Clique agora para começar a sua jornada visual conosco!

Agradecemos por visitar nosso site! Queremos que você tenha a melhor experiência possível. Convidamos você a clicar no botão "Galeria de Fotos" abaixo. Nossa galeria oferece uma visão abrangente e envolvente do que temos a oferecer.
Galeria de Fotos
Image
Alt Text

D’ASTI é máquina de correr !!!!!


Apenas três potros foram para a pista no primeiro Clássico da nova geração, prova denominda José Antônio Flores da Cunha, no percurso de 1.100 metros. 

Ainda que com número reduzido de participantes, o totalizador apontava um jogo parelho, o que levava-se crer em uma corrida equilibrada. No entanto, a paridade de forças durou apenas 700 metros pois, ao abordarem a reta final, D’ASTI, que na primeira parte correu espiando a briga de seus rivais, foi acionado pelo bom jóquei Ricardo Dornelles e ultrapassou a parceria como se os mesmos não estivessem em movimento, abrindo progressivamente até o espelho e assumindo de forma inconteste a liderança entre os machos. UNICO LÔ e DASSAULT ficaram nas posições subsequentes.

O ganhador é um M/C - 2 anos - RS - por DROSSELMEYER E PIEMONTE (WILD EVENT), de criação da Fazenda Mondesir e de propriedade do senhor José Vecchio Filho. Felipe Vieira nota MIL no treinamento.

Tempo: 69,20s.

Alt Text

Estreia mágica de "MURASAMA" no Clássico Oswaldo Aranha


Foi disputado na tarde da última quinta-feira no hipódromo do Cristal, o Clássico Oswaldo Aranha, primeira medição de forças para as potrancas da nova geração. 

Entre as quatro concorrentes, CELESTIAL KITTEN era tida como favas contadas, sendo inclusive rateio de devolução de capital. Todavia, existe um ditado no turfe que diz que "barbada só existe depois de cruzar o espelho".

Pois bem, logo após a autorização do starter, quem deu "SHOW" foi a outra filha de CAMELOT KITTEN, só que essa atende pelo nome de MURASAMA, e tem como mãe TORTURADA, sendo essa uma descendente de QUE FENÔMENO. Treinada pelo experiente e competente Suedy Rodrigues, a alazã criada nos campos do vitorioso Haras Cambay, deu um verdadeiro vareio, praticamente dividindo a reta de chegada ao meio. Pilotada com traqnuilidade pelo capacitado Kauã Gonçalves, a campeã levou ao delírio sua parceria que, a partir dos últimos 200 metros, quase colocou abaixo o pavilhão social, tamanha a gritaria e euforia. CELESTIAL KITTEN precisou se contentar com o segundo posto, cabendo a HARPIA e DIAMONDSAREFOREVER as demais colocações premiadas.

Tempo: 69,20s para os 1.100 metros

Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image

Denuncias, Reclamações e Sugestões
Clique Aqui!